Mais segurança para nós

No dia a dia, pessoas com deficiência e idosos correm sério risco de atropelamento nas grandes metrópoles do país, pela excessiva rapidez com que os semáforos abrem, permitindo a passagem dos motoristas, que se recusam a respeitar as faixas de pedestre.

Em Curitiba, está sendo testado um sistema capaz de trazer mais segurança para nós e pessoas com idade avançada. O cidadão coloca seu cartão-transporte em contato com um dispositivo, passando a ter 18 segundos e não apenas 12 para completar sua travessia. Esse acréscimo de tempo não prejudica nenhum condutor, pois terão de aguardar apenas três a cinco segundos a mais.

semaforo curitiba

O sistema que pode salvar muitas vidas foi desenvolvido pela empresa Dataprom e funciona graças a uma botoeira especial acoplada ao semáforo, que é acionada pelos cartões. Se você é um leitor curitibano, deve estar aliviado, certo? E não é para menos, pois lamentavelmente o número de vítimas fatais dos atropelamentos ocorridos na cidade, que são pessoas com deficiência ou idosos, ainda é muito alto, estando entre 35 e 40%.

Fica a torcida para que os testes sejam bem sucedidos e o mesmo sistema possa funcionar em muitos outros perigosos cruzamentos não só de Curitiba, mas também de muitas cidades do país, aliviando o medo de muitos pedestres, que por diversas questões relacionadas à saúde, podem não conseguir atravessar uma rua em poucos segundos.

Ideias como essa certamente contribuem para a melhoria da segurança, porém, sozinhas, não resolverão todo o problema. O respeito às dificuldades enfrentadas por idosos e pessoas com deficiência é um assunto ligado à educação e cidadania, portanto além do auxílio de recursos tecnológicos como esse, precisa haver um processo de amadurecimento e conscientização da sociedade em relação ele, permitindo que tais pessoas possam se locomover de acordo com suas capacidades e limitações.

Por outro lado, sempre defendi que independente do contexto, a inclusão social de minorias é uma via de mão dupla. A cooperação de todos é essencial, mas pessoas com deficiência e idosos não podem esperar que, rapidamente, qualquer cruzamento esteja em perfeitas condições, preocupando-se em passar por esses locais com o máximo de agilidade possível, estando atento às sinalizações e a conduta dos motoristas, mesmo que essa não seja a ideal. Se cada um fizer sua parte, sem deixar qualquer problema enfrentado o impedir de cumprir seu dever de cidadão, muito menos vidas serão perdidas precocemente, os motoristas poderão chegar ao seu destino e as pessoas com deficiência ou idosos poderão não só atravessar ruas, mas também muitas outras barreiras.

Saiba mais:

Gazeta do Povo

Prefeitura de Curitiba

Blog Ponto de Ônibus

_____________________

Texto de Alexandre dos Santos Gouveia

Alexandre dos Santos Gouveia é formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero, foi estagiário da equipe de comunicação do Banco Santander, atuou em rádios como comentarista esportivo e já participou de trabalhos voluntários ligados à prática do futebol. Atualmente é assistente administrativo de comunicação da Zurich Seguros.

Anúncios

Cartões de estacionamento para idosos e PCDs – Natal

Natal finalizando nossa série sobre Cartão de estacionamento para idosos e PCDs. Para conferir as outras capitais, acompanhe as postagens anteriores:

Você idoso ou pessoa com deficiência já teve dores de cabeça com vagas de estacionamento? Esse seu direito foi injustamente questionado alguma vez? Ou em muitas ocasiões, viu cidadãos que não se enquadram em nenhum desses dois grupos utilizarem essas vagas de forma ilegal?

20111212060850img-credenciais

Se a resposta das três perguntas for sim, saiba que existe um cartão de estacionamento criado para regulamentar o uso desses espaços. Saiba como obter esse documento de acordo com o estado onde você vive.

Natal

E finalmente, em Natal a emissão da credencial de estacionamento é feita pela SEMOB (Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana).

Endereço: Av. Almino Afonso, 44, Ribeira

Telefone: 84 3232-9121 / 3232-9114 / 3232-9117

Documentos necessários:

– CPF;

– Comprovante de residência;

– Telefone;

– Laudo médico (só para PCDs)

banner-esta-vaga-nao-e-sua-nem-por-minuto

___________________

Texto de Alexandre dos Santos Gouveia

Alexandre dos Santos Gouveia é formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero, foi estagiário da equipe de comunicação do Banco Santander, atuou em rádios como comentarista esportivo e já participou de trabalhos voluntários ligados à prática do futebol. Atualmente é assistente administrativo de comunicação da Zurich Seguros.

Cartões de estacionamento para idosos e PCDs – Campo Grande

Saiba como fazer seu cartão de estacionamento em Campo Grande:

Você idoso ou pessoa com deficiência já teve dores de cabeça com vagas de estacionamento? Esse seu direito foi injustamente questionado alguma vez? Ou em muitas ocasiões, viu cidadãos que não se enquadram em nenhum desses dois grupos utilizarem essas vagas de forma ilegal?

20111212060850img-credenciais

Se a resposta das três perguntas for sim, saiba que existe um cartão de estacionamento criado para regulamentar o uso desses espaços. Saiba como obter esse documento de acordo com o estado onde você vive.

CAMPO GRANDE

Os sul-mato-grossenses de Campo Grande que sejam idosos ou pessoas com deficiências devem solicitar a credencial a AGETRAN (Agência Municipal de Transporte e Trânsito).

Endereço: Av. Gury Marques, 2395 – Bairro Universitário

Horário de atendimento: das 8h às 11h e das 13h às 16h

Telefone: (67) 3314-3408 / 3314-3419

Documentos necessários para PCDs:

– Endereço completo, telefone ou outras fontes de referência;

– RG e CPF originais ou cópias autenticadas em cartório;

– Comprovante de residência original ou cópia autenticada em cartório;

– Laudo médico que comprove a deficiência.

Os idosos precisam dos mesmos documentos com exceção do laudo médico. Motoristas que utilizarem irregularmente as vagas de estacionamento reservadas são multados em R$ 53,20 e recebem três pontos na CNH.

???????????????????????????????

_________________________

Texto de Alexandre dos Santos Gouveia

Alexandre dos Santos Gouveia é formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero, foi estagiário da equipe de comunicação do Banco Santander, atuou em rádios como comentarista esportivo e já participou de trabalhos voluntários ligados à prática do futebol. Atualmente é assistente administrativo de comunicação da Zurich Seguros.

Cartões de estacionamento para idosos e PCDs – Fortaleza

Em Fortaleza, multa para quem estaciona em vagas preferenciais. Confira as demais capitais nas postagens seguintes:

Você idoso ou pessoa com deficiência já teve dores de cabeça com vagas de estacionamento? Esse seu direito foi injustamente questionado alguma vez? Ou em muitas ocasiões, viu cidadãos que não se enquadram em nenhum desses dois grupos utilizarem essas vagas de forma ilegal?

20111212060850img-credenciais

Se a resposta das três perguntas for sim, saiba que existe um cartão de estacionamento criado para regulamentar o uso desses espaços. Saiba como obter esse documento de acordo com o estado onde você vive.

Fortaleza

Já os cearenses interessados no cartão de estacionamento, devem se dirigir a AMC (Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e Cidadania).

Endereço: Avenida Aguanambi, 90 – José Bonifácio

Horário de funcionamento: 8h ás 19h

Cópias de documentos necessários:

– RG;

– CPF;

– Comprovante de residência;

– Laudo médico (só para PCDs

No caso dos menores de idade, devem ser apresentados os documentos deles e de seus responsáveis.

A credencial é emitida imediatamente e pode ser utilizada em qualquer veículo que transporte seu portador. Pessoas que usarem irregularmente as vagas reservadas para idosos ou PCDs pagam multa de 53,20. Os órgãos que fiscalizam o trânsito em Fortaleza têm adotado medidas que facilitam a identificação e punição dos motoristas infratores.

carros-ficam-mais-caros

__________________

Texto de Alexandre dos Santos Gouveia

Alexandre dos Santos Gouveia é formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero, foi estagiário da equipe de comunicação do Banco Santander, atuou em rádios como comentarista esportivo e já participou de trabalhos voluntários ligados à prática do futebol. Atualmente é assistente administrativo de comunicação da Zurich Seguros.

Cartões de estacionamento para idosos e PCDs – Porto Alegre

Em Porto Alegre, inclusão e acessibilidade. Saiba como:

Você idoso ou pessoa com deficiência já teve dores de cabeça com vagas de estacionamento? Esse seu direito foi injustamente questionado alguma vez? Ou em muitas ocasiões, viu cidadãos que não se enquadram em nenhum desses dois grupos utilizarem essas vagas de forma ilegal?

20111212060850img-credenciais

Se a resposta das três perguntas for sim, saiba que existe um cartão de estacionamento criado para regulamentar o uso desses espaços. Saiba como obter esse documento de acordo com o estado onde você vive.

PORTO ALEGRE

As PCDs gaúchas de Porto Alegre devem se cadastrar na ouvidoria da SMACIS (Secretaria Municipal de Acessibilidade e Inclusão Social).

Endereço: Rua Siqueira Campos, 1.300, 2° andar, sala 202

Horário de funcionamento: 09h às 11h30 e 13h30 às 17h30

Telefones:(51) 3289.1244 e (51) 3289.1141

Documentos necessários após o cadastramento:

– Atestado médico emitido a menos de 90 dias, contendo nome, tipo de deficiência, classificação no Código Internacional de doenças (CID) e carimbo com assinatura do médico e data;

– Cópia da CNH ou do RG em que conste também o número do CPF;

– Cópia do certificado de registro do veículo;

– Requerimento para solicitar a credencial

– Pagamento da taxa de recolhimento no valor de R$ 9,70

 Clique aqui para ver como funciona o procedimento nas outras cidades do Rio Grande do Sul.

Os idosos gaúchos deverão comparecer ao setor de atendimento ao cidadão da EPTC (Empresa Pública de Transporte e Circulação).

Endereço: Avenida Ipiranga 1138

Horário de funcionamento: 8h30 às 17h

Cópias de documentos necessários após o preenchimento de uma ficha prévia

– RG;

– CPF;

– Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo

São cobrados R$ 13,24 pela emissão do cartão, se mantém a obrigatoriedade de pagar estacionamento e não é necessário morar em Porto Alegre.

BANNER_AIS

___________________

Texto de Alexandre dos Santos Gouveia

Alexandre dos Santos Gouveia é formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero, foi estagiário da equipe de comunicação do Banco Santander, atuou em rádios como comentarista esportivo e já participou de trabalhos voluntários ligados à prática do futebol. Atualmente é assistente administrativo de comunicação da Zurich Seguros.